Projeto Ativida - Gulbenkian

ATIVIDA – Competências Sociais e Inclusão Laboral

 Educação Especial - 2015 

                                    FCG 11 QualificaçãoDasNovasGerações BLK 04                                                                                                                                      

O PROJETO

O Projeto “ATIVIDA - Competências Sociais e Inclusão Laboral” pretendeu dar continuidade ao trabalho que a Associação ERID tem desenvolvido com jovens com NEE a frequentar o ensino secundário ou que já terminaram a escolaridade obrigatória. Surgiuno contexto da preparação para a transição para a vida adulta (TVA) e para a transição para a vida pós-escolar (TVPE) desses jovens e ancorou-se no projeto de investigação-ação “Sentir, Pensar e Agir: Núcleo de Apoio à Inserção de Indivíduos com Dificuldade Intelectual e Desenvolvimental no Mercado de Trabalho no Concelho da Covilhã”[1]

O plano de formação do Projeto partiu dos seguintes pressupostos:

  • Existe uma lacuna na política de inclusão dos jovens com NEE em Portugal, uma vez acabada a escolaridade obrigatória, com especial incidência naqueles que tiveram currículo específico individual (CEI), cujo certificado não é válido para a frequência de formação profissional ou continuação de estudos;
  • A escola tem um papel fundamental na capacitação dos alunos com NEE para a transição para a vida pós-escolar e essa capacitação implica um maior investimento no desenvolvimento das competências sociais desses alunos ao longo do seu currículo escolar;
  • Para que a transição para a vida pós-escolar seja eficaz é necessário que a escola integre uma rede de parceiros na própria comunidade que garanta aos alunos experiências de transição e a oferta de respostas inclusivas depois da escola;
  • As comunidades quando se sentem apoiadas são recetivas ao estabelecimento de parcerias, mas é necessário desenvolver um trabalho persistente com o setor laboral para que a inclusão seja uma realidade;
  • As famílias de jovens com NEE que investiram num percurso inclusivo para os seus filhos através da escola regular, precisam muitas vezes de apoio acrescido, particularmente quando estes terminam a escolaridade obrigatória, e eles enfrentam o maior dilema das suas vidas quanto ao futuro dos seus filhos.

Objetivos:

 - Criar uma rede de parceiros (escolas, tecido empresarial e outras entidades locais) que permita agilizar o processo de transição para o trabalho de jovens com NEE;

     - Contribuir para a qualidade de vida e inclusão social de jovens com NEE através de:

- Formação de formadores e famílias;

- Experiências inclusivas e criativas de capacitação de jovens com NEE no âmbito do desenvolvimento de competências sociais;

- Sensibilização dos principais atores sociais.

Público-alvo:

Escolas/Instituições- professores, técnicos, assistentes operacionais, jovens animadores; Famílias de crianças e jovens com NEE; Jovens com NEE em fase de transição para a vida pós-escolar; Tecido empresarial.

Parceiros:

O Projeto contou com os seguintes parceiros: ACICB - Associação Empresarial da Beira Baixa, Agrupamento de Escolas José Sanches de Alcains e S.Vicente da Beira,Agrupamento de Escolas José Silvestre Ribeiro de Idanha-a-Nova, Agrupamento de Escolas Ribeiro Sanches de Penamacor, Escola de Judo Ana Hormigo,Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Castelo Branco (ESECB) eVáatão Teatro.

Enquanto aparceria com a ACICB facilitou a comunicação com o setor empresarial, a parceria com os três agrupamentos de escolas decorreu dos problemas identificados a nível local e da vontade manifestada pelos mesmos em participar no plano de formação delineado. O Váatão Teatro e a Escola de Judo Ana Hormigo foram parceiros ativos na realização de ações de sensibilização e na colaboração na formação. Já a ESECB, parceiro antigo da ERID, além de disponibilizar salas para a formação, integrou no seu Plano Anual de Formação Contínua o curso “A Investigação-ação: o professor-investigador na elaboração dos Planos Individuais de Transição” em parceria com a ERID.

 

Desenvolvimento:

A tabela seguinte sumariza as atividades de formação realizadas ao longo do projeto bem como o público-alvo a que se destinaram.

TIPO DESIGNAÇÃO PÚBLICO ALVO
CURSOS DE CURTA DURAÇÃO A Investigação-ação: o professor-investigador na elaboração dos Planos Individuais de Transição  Professores de Educação Especial
Transições ao longo da vida. Que perspetiva? Professores; Técnicos
Treino de competências parentais Famílias
Perturbações do desenvolvimento e treino de competências sociais Assistentes operacionais (escola)
Monitores de campos de férias inclusivos Jovens animadores>16 anos
AÇÕES DE SENSIBILIZAÇÃO O trabalho na diferença/Adiferença no trabalho Tecido empresarial
Hipoterapia Famílias; Público em geral
Judo para todos Famílias; Público em geral
WORKSHOPS INCLUSIVOS Princípios básicos de cozinha Jovens com e sem NEE
Iniciação à costura e reciclagem Jovens com e sem NEE
Competências de comunicação para o trabalho Jovens com NEE
Nutrição e alimentação saudável Famílias; Público em geral

 

CONTACTOS

 
Tlm: 967416530
Tlf: 272031996

Email geral: aerid.aerid@gmail.com
Email direcção: aerid.dir@gmail.com

SEDE AERID

Novas Instalações: Antiga Escola Primária, Largo do Matadouro, 6000-106 C.B.

LOGIN

REDES SOCIAIS